Utiliza este espaço onde podes divulgar os teus trabalhinhos!

15 fevereiro 2007

O gaio e os pavões



Numa família de gaios que vivia num ramo, um deles invejava os dois pavões que passavam no jardim do rei. No Verão, o gaio apanhou as penas dos pavões que caíram e, como ele os invejava, cobriu a cauda com elas. Quando os pavões viram o gaio, pensavam que era um pavão e perguntaram-lhe se ele era uma surpresa para o príncipe. De tantos empurrões, encontrões e festança, as penas soltaram-se e os pavões disseram que ele não era um pavão, mas sim um gaio e foram-se embora. O gaio voltou para casa, a coxear. Quando já estava melhor, os pais ensinaram-no a apanhar bolotas, a escondê-las e a apanhar vermes e bichinhos.

André Lisboa, aluno da prof. Filomena - 3.º ano

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home